Visitantes

contador grátis

21 de jun de 2012

Pró-egresso



 Pois bem, este ano me cederam pro Programa PRÓ-EGRESSO em Foz do Iguaçu, e só de vez em quando apareço pra dar uma ajudinha na PEF. Embora com saudades de um trabalho de quase 10 anos, o trabalho com egressos também tem sido uma experiência muito rica.

 O Programa Pró-egresso é uma unidade do DEPEN -PR similar aos Patronatos (que temos no Paraná em Curitiba e Londrina). Os Pró-egressos existem em aproximadamente 17 comarcas no estado.

 São objetivos do Programa Pró-egresso (e patronatos):
• Prestar assistência aos albergados e aos egressos.
• Fiscalizar o cumprimento das penas de prestação de serviço à comunidade e de limitação de fim-de-semana.
• Orientar os condenados à pena restritiva de direitos.
• Colaborar na fiscalização do cumprimento das condições da suspensão e do livramento condicional.
• Acompanhar os egressos no seu cumprimento da pena. • Desenvolver projetos de pesquisa para se obter dados reais sobre a situação da criminalidade e o cumprimento pena da PSC.

(do site http://www.depen.pr.gov.br/modules/conteudo/conteudo.php?conteudo=38 em 20/06/12)

Acompanhamento psicossocial - definição

Estava eu a fazer o meu primeiro relatório final de egressos atendidos no Pró-egresso, e fiquei a pensar no termo psicossocial. Não sei se as pessoas sabem o que de fato isso significa.
Fiquei a pensar no seu uso frequente nas políticas públicas, e coloquei no grande Google pra buscar o termo, principalmente em páginas do governo, que me ampliassem o horizonte. Pouca coisa encontrei.
Esse  endereço parece descrever a sistematização de um programa : http://www.progep.furg.br/arquivos/procedimentos/000038.pdf.
E então, decidi pensar sobre e acabei por criar uma definição simples, para caracterizar a prática:

 
O acompanhamento psicossocial  é um procedimento onde considera-se a vida do indivíduo e também sua vida social. É realizado normalmente  por uma equipe composta pela Psicologia e pelo  Serviço Social. Busca-se, através de apoio,  orientações e suportes para manutenção e/ou melhoria da sua saúde mental, bem como das suas relações interpessoais. 

           No caso do egresso ou beneficiário que é atendido pelo Pró-egresso, o mesmo é atendido por profissionais que farão sua escuta e acolhimento, orientando-o e encaminhando, por exemplo, para regularização de documentos, matrícula em cursos profissionalizantes, etc, bem como quando necessário, para atendimentos especializados na rede pública ou ainda para frequencia em programas desenvueltos por ongs como Alcoólicos Anônimos (AA ) e Narcóticos Anônimos (NA). 
       Nos casos em que os egressos se apresentam com a condição imposta de acompanhamento psicossocial, a Psicologia o recebe para uma entrevista inicial, e posteriormente em seus retornos realiza atendimentos, periodicamente, até o término se sua pena, quando finaliza-se o proceso e elabora-se este relatório. 
        Espera-se que o mesmo seja capaz de administrar sua vida, desfrutando de possibilidades de sua vida pessoal, familiar, escolar e profissional, etc.